Pontas duplas, só cortando?

No post de hoje, mostraremos formas de recuperação de pontas duplas ou ressecadas, grande dúvida das meninas.

0

Olá, mocinhas! Tudo bem com vocês?

Daí, você está olhando seus cabelos e pá…. lá vem uma ponta dupla, socorro, cadê a tesoura??? Que tesoura, menina??? Não precisa nada disso! O estrago já foi feito, mas, é totalmente possível de ser revertido! Vamos saber como?

Primeiro, pontas duplas e ressecadas são sinais de maus-tratos (desculpa, gata, mas, é verdade). As extremidades dos cabelos são muito sensíveis e certos hábitos as destroem, como excesso de secador, chapinha e atrito das madeixas por shampoos inadequados. Mas, não é necessário cortar caso elas apareçam, até porque há produtos e procedimentos específicos para solucionar a questão.

Pontas duplas1

  1. Cuidados diários

Não lavar em água quente, evitar secador, babyliss e chapinha são essenciais para a recuperação, caso precise usar estes equipamentos, não abra mão do protetor térmico.

  1. Corte bordado

Maquina de corte bordado

O corte bordado é a nova onda das dicas para cabelos perfeitos e, acredite, funciona mesmo! Quer saber da melhor? Pode ser feito em casa.

O corte bordado é ótimo para acabar com as pontas duplas e quebradas, trazendo outra vida aos cabelos sem, no entanto, afetar o comprimento.

Para quem não conhece, essa técnica retira os excessos de pontas duplas através de cortes nivelados. Para fazê-lo, você precisa estar com os cabelos limpos e secos, dividindo-os em mechas finas, pode ser feita a mão ou com um aparelhinho chamado Split Ender.

  1. Hidratação semanal

Adote máscaras que derretam o fio no momento do enxágue, ou seja, aquele efeito “desmaia cabelo”. Você aplica a máscara e, logo, sente que os fios estão “derretendo”, de tão maleáveis. Evite as que endurecem os cabelos ou pesam os fios.

  1. Cauterização

A cauterização entra quando a hidratação não consegue, sozinha, resolver o problema das pontas duplas devido à intensidade dos danos. Nesse caso, aposte na queratina líquida para fazer a cauterização na sua casa mesmo.

O procedimento repõe a queratina perdida pelos agressores, no salão, é aplicado um produto químico específico, enquanto nas receitas caseiras, são usados, apenas, queratina líquida (obrigatoriamente sem enxágue) e máscara de hidratação, repondo a proteína perdida.

Por ser mais profundo que a reconstrução, deve ser feita, no máximo, uma vez por semana,
para que os fios não fiquem enrijecidos, ao invés de maleáveis, que é o resultado esperado.

  1. Reparador de pontas de silicone

O uso de reparador de pontas de silicone é um forte aliado para quem quer acabar com as pontas duplas por ter o poder de evitar que fios espigados surjam.

Você pode aplicar depois da escova, tanto no comprimento quanto nas pontas, só tome cuidado para não exagerar e ficar com os cabelos oleosos. Ah, e o produto pode ser, também, aplicado após o banho, quando os fios ainda estiverem úmidos.

  1. Pontas ressecadas

As pontas ressecadas ou espigadas são causadas pela falta de água ou nutrição dos cabelos, contribuem para isso a lavagem inadequada, abuso de ferramentas de calor e a falta de proteção contra agressores externos. Todos esses fatores retiram a emoliência das madeixas, o que só é resolvido mediante muita nutrição e hidratação.

  1. Pontas ralas

E as pontas ralas? Pontas afinadas são causadas por perda de matéria, o que é natural devido a fatores como idade, ou, por fatores externos, como uso excessivo de calor (de novo), tensão e atrito nos fios na hora de pentear ou escovar. Para resolver o problema, é necessário identificar a fonte do problema para cuidar de forma adequada, seja em casa ou procurando o salão.

  1. Pontas ásperas

Pontas ásperas aparecem quando os cabelos perdem os nutrientes. São fios antigos que levaram anos para chegar até aquele estágio. Por isso, é necessário que os cosméticos utilizados atendam às necessidades das madeixas, de preferência, aqueles que selem a fibra contra o ressecamento.

  1. Pontas quebradiças

Pontas quebradiças são aquelas que se rompem. Isso acontece quando problemas anteriores não foram percebidos e tratados a tempo, com isso, as extremidades não resistem às agressões, falta de nutrição e hidratação, perdendo a força.

Aí, infelizmente, é o caso de entrar com a tesoura, passando a cuidar melhor das pontas com protetor térmico e produtos adequados a seu tipo de fio. E, agora, as receitas que tanto amamos! Vamos lá?

Mulher curiosa

  1. Receita

1 colher (sopa) de máscara hidratante.
2 Gotas de óleo de amêndoas doce (daqueles que você encontra na farmácia)

Misture tudo em um recipiente. Lave os cabelos apenas com shampoo, tirando o excesso de água com a toalha. Em seguida, aplique a mistura nos cabelos do meio até as pontas, deixando agir por 10 ou 15 minutos, de acordo com o indicado na máscara. Enxágue e finalize. Essa hidratação traz muito brilho e pode ser feita semanalmente.

  1. Receita

1 Colher (sopa) de máscara hidratante
1 Tampa de Glicerina liquida bi-destilada.
* A glicerina é um ativo hidratante e umectante, com alto poder de hidratação, que pode ser encontrada em farmácias. Misture tudo em um recipiente, lave os cabelos apenas com shampoo, tirando o excesso de água com a toalha.

Em seguida, aplique a mistura nos cabelos do meio até as pontas, deixando agir por 10 ou 15 minutos, de acordo com o indicado na máscara. Enxágue e finalize.

Essa segunda hidratação deixa os fios bastante macios, tirando o aspecto de pontas espigadas. O procedimento só pode ser feito em dias de umidade do ar acima de 60%. Nessas condições, pode ser feita toda semana.

  1. Receita

4 colheres (sopa) de máscara hidratante
1 colher (sopa) de vinagre
5 gotas de óleo vegetal de aloe vera
*O aloe vera, a famosa babosa, tem muitas vitaminas, como C e E, e turbina os processos de nutrição, deixando as madeixas mais fortes e brilhosas.

Misture tudo em um recipiente, lave os cabelos apenas com shampoo, tirando o excesso de água com a toalha. Em seguida, aplique a mistura nos cabelos do meio até as pontas, deixando agir por 20 minutos.

Enxágue e finalize, essa segunda hidratação deixa os fios bastante macios, tirando o aspecto de pontas espigadas. O procedimento só pode ser feito em dias de umidade do ar acima de 60%. Nessas condições, pode ser feita toda semana.

  1. Receita

2 colheres (sopa) de mel
4 colheres (sopa) de condicionador
Aplique a mistura sobre os cabelos molhados e deixe agir por 30 minutos. Lave o cabelo e finalize como preferir.

  1. Receita

2 colheres (sopa) de iogurte
1 colher (sopa) de suco de limão

Aplique a mistura sobre os cabelos, da raiz até a extensão dos fios, substituindo o condicionador. Enxágue os cabelos e finalize como preferir.

É isso, meninas, esperamos que tenham gostado das dicas e que ajudem, bastante, vocês!

Beijo, beijo, até a próxima!

Pontas duplas, só cortando?
Avalie este artigo

Você pode gostar

você pode gostar também