Saiba por que é necessário observar o pH do xampu ideal para seu cabelo

Substância com pH próximo ao do cabelo auxilia a deixar os fios mais saudáveis, brilhantes e com a aparência mais bela.

0

Um dos itens indispensáveis na rotina de cuidados é o xampu. O produto é classificado de acordo com cada tipo de cabelo, que pode ser seco, oleoso, crespo e cacheado, tingido e mais.

No entanto, além de avaliar a característica dos fios, é necessário observar o pH do xampu para chegar a aparência e textura ideal dos fios. E geralmente, o pH ideal deve ter entre 4,5 e 6,5.

O que é o pH do xampu?

pH do xampu

A tricologista Cristal Bastos diz que o pH é o índice usado para mensurar o grau de acidez ou de alcalinidade de um produto. “Quando falamos sobre pH neutro, por exemplo, estamos diante de uma substância cujo pH é idêntico ao da região onde ele vai atuar. No caso dos cabelos este valor gira em torno de 4,5 a 5,5”, disse em entrevista ao portal A Gazeta.

Geralmente, os itens vêm com os dados na embalagem. A profissional diz que os produtos que possuem pH neutro para os cabelos (4,5 a 5,5) podem acarretar em menor danos à fibra, mas nem sempre é o pH que deixa os fios com o aspecto mais belo. “Assim como estar com a aparência bonita não significa que o cabelo esteja saudável”, destaca.

De acordo com a tricologista Camila Zanoni, o pH ideal para o xampu é em torno de 5,0 e 6,5. “O pH dos nossos cabelos fica em torno de 4,5 e 5,5, sendo assim buscar produtos com pH dentro dessa faixa do fisiológico, que é o natural do cabelo, trazem menos problemas. Deve-se observar os ativos contidos na formulação também”, argumenta.

Como escolher o xampu com melhor pH?

Segundo Camila Zanoni, para a escolha do pH correto é necessário procurar o pH fisiológico. “Ele deve estar indicado pela empresa no frasco ou quando comprado em espaços de terapia e tricologia a fábrica deve informar aos profissionais”, frisa.

Além disso, a tricologista diz que o pH acima de 7 pode acarretar em dermatites, porosidade, quebra dos fios, desbotamento da cor, ressecamento dos fios e couro cabeludo. “Tudo isso varia de acordo com a frequência e o produto que está sendo usado”, complementa.

Dessa forma, a dica é ir atrás de orientação profissional para escolha de melhor produto. “É o profissional que terá a melhor capacidade de avaliar que produto determinado cabelo necessita mais”, finaliza.

Leia ainda: Cabelo chumbado: saiba como corrigir fios sobrecarregados de pigmentos

Você pode gostar
você pode gostar também

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More