Santo óleo de argan!

Conheça os benefícios que o óleo obtido através dessa planta de origens médio-orientais podem trazer para sua pele e cabelos

0

A correria do dia-a-dia, exposição aos raios solares, poluição, secador, chapinha… UFA! Não tem cabelo que aguente, não é mesmo? É, sem proteção e ajuda, realmente, seus fios não resistem.

Porém, a ajuda existe e vem lá do outro lado do mundo: o óleo de Argan. Retirado das nozes de uma planta chamada Argania spinosa, também é conhecido como Ouro de Marrocos.

Isso porque a árvore só é encontrada nos desertos do país, podendo viver até 200 anos. Uau! Por lá, o óleo já é usado há séculos para tratamento dos cabelos e, só depois, atravessou desertos e oceanos, até chegar ao restante do mundo.

O Ouro do Marrocos não de tão fácil obtenção! Para se ter uma ideia, são necessários 100kg de sementes para retirar um litro do produto. A extração é manual, retirando a polpa das nozes para, depois, deixá-las para secar ao sol.

Quando secas, as nozes são abertas com pedras para retirada das sementes e, em seguida, são tostadas. Só nesse ponto é possível extrair o óleo. Daí dá pra entender porque os o óleo tem um custo relativamente alto ao chegar às prateleiras de lojas especializadas.

Veja também: Óleo De Coco Natural Para O Cabelo

Mas, enfim, vamos aos benefícios? Rico em ácidos graxos vitamina A, D e E, o óleo de Argan tem fortes poderes hidratantes e antioxidantes. Traduzindo: o produto retarda o envelhecimento dos fios, restaura a fibra capilar, além de nutrir, fortalecer e revitalizar fios e couro cabeludo.

Com ele, os fios ficam mais protegidos dos efeitos daqueles agentes que mencionamos lá no começo do texto e que são verdadeiros vilões dos cabelos. Usando o óleo de forma sistemática, os fios são revestidos com uma espécie de filme protetor, o que evita a perda de água e hidratação.

Ou seja, você vai se olhar no espelho e der de cara com cabelos brilhantes, maleáveis e sem pontas duplas. Caso use tintura, o óleo ajuda a manter a cor dos fios por mais tempo, fora a proteção contra a própria química durante a aplicação.

Os cabelos não são os únicos beneficiados com o uso do óleo de Argan. Suas propriedades oxidantes retardam, também, o envelhecimento da pele, além de ter ações cicatrizantes e anti-inflamatórias. Assim, pode ser usado como um potente anti-ruga.

Além de pele e cabelo, outra grande preocupação das mulheres são as unhas perfeitas. Pois bem, elas também ganham com o uso prolongado do óleo, já que o produto permite a hidratação das cutículas, protegendo e deixando suas unhas mais fortes.

Ok, mas, e aí, como posso usar esse verdadeiro milagre da beleza? Nos cabelos, o óleo de Argan pode ser aplicado diretamente nos fios úmidos ou secos, como antifrizz, misturado a cremes, shampoos e cremes sem enxágue, em tinturas ou como reparador de pontas.

O mais comum é a presença do óleo em misturas de outros de origem vegetal, máscaras de hidratação ou como finalizador. Como o produto é caro, o ideal é priorizar a economia, então, algumas gotinhas já são suficientes para causar aquele efeito. Com tantos benefícios, é de se entender porque chamam a planta de Ouro do Marrocos, não é verdade?

Deixe um comentário

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More