Cuidados com cabelo ruivo

No post de hoje, trazemos dicas de como cuidar dos cabelos vermelhos, deixando-os mais saudáveis e evitar o desbotamento

0

Olá, meninas! Tudo bem? A maior preocupação de quem tem os cabelos tingidos é manter a cor sempre bonita, evitar o desbotamento e o ressecamento dos fios. Uma das cores que, sinceramente, dão mais trabalho é o vermelho.

No dia do procedimento de tintura, o cabelo fica ótimo, super poderoso, um verdadeiro cabelo da Geri Halliwell (a Ginger Spice, lembram?). Mas, depois, vai ficando aquela cor de água de salsicha que ninguém merece, não é mesmo?

Os cuidados com o ruivo são extensos porque os pigmentos avermelhados e acobreados são menores e mais delicados, com maior propensão aos fatores externos. Por isso, é tão fácil desbotar e danificar. Pois então, ruivas, hoje o post é de vocês! Nós do Tudo sobre Cabelos trouxemos várias dicas para vocês, que já têm os cabelos vermelhos ou para quem pretende ter!

  1. Produtos e tratamentos específicos

A primeira dica se refere aos produtos, tanto a própria tintura (que deve ser de boa qualidade para não trazer estragos aos seus fios) quanto para a manutenção. O mercado oferece produtos específicos para ruivas que ajuda a matizar a cor e evitar o desbotamento.

No caso do shampoo, por exemplo, é importante que tenha pH mais baixo, similar ao do próprio fio, para compensar a estrutura alterada pela coloração. Assim, as cutículas se manterão alinhadas, minimizando os danos. Dispense os produtos com pH alcalino.

Além dos produtos específicos, é importante analisar, também, o procedimento adequado. Como os pigmentos vermelhos são mais instáveis e de difícil fixação, é importante que um profissional analise a melhor técnica para o seu caso: descoloração ou repigmentação (deixa o tom do cabelo uniforme antes da aplicação).

  1. Preocupação com os gastos

Essa dica é muito ligada à anterior. Quando pensamos em pintar os cabelos, a primeira preocupação é se vamos gastar demais com os produtos. Amiga, então, antes de tomar a decisão de mudar a cor dos seus fios, é melhor pensar bem porque o barato sai caro.

Tintas de má qualidade, profissionais não qualificados e produtos inadequados podem sair ainda mais caro. Por isso, procure uma boa orientação, leve a foto da cor desejada para que ele possa analisar, hidrate seus fios… assim, você vai ter mais chances de acertar de primeira, evitando gastos futuros.

Cabelos ruivos, também, exigem retoques mais frequentes, de preferência, mensalmente. O retoque de raiz, a matização e o uso de bons produtos podem contribuir para que os cabelos tenham a cor sempre realçada e viva.

  1. Leve em conta o tom atual dos seus fios

O resultado da sua tintura vai depender, bastante, do tom atual dos seus fios, bem como os procedimentos que você vai ter que adotar. Caso seus cabelos estejam mais escuros do que a cor pretendida, como pretos, por exemplo, precisará usar algo que retire a cor, facilitando a descoloração.

Agora, cabelos muito mais claros, como os loiros, pedem uma pré pigmentação. Caso contrário, ao invés de ruiva, você pode ganhar cabelos de uma cor bem indefinida, ou, pior, água de salsicha.

  1. Continue com a cor desejada

Chegou no tom que queria? Fique com ela! Mudar de cor e marca de tinta complica futuras tinturas. Caso queira deixar de ser ruiva para ser morena ou loira, por exemplo, tantas experiências com tintas diferentes podem atrapalhar na descoloração ou nova pigmentação. Fora que, mesmo permanecendo ruiva, seus cabelos vão chegar a um tom Forrest Gump, cheio de histórias pra contar.

  1. Hidratação sempre!

Jamais, nunca, never deixe a hidratação de lado! Por mais que várias tintas tenham hidratantes em sua composição, a hidratação semanal faz com que a cor de seus cabelos tenha brilho, saúde e beleza!

  1. Evite calor excessivo

Água quente, chapinha e secador são vilões de qualquer tintura, então, a dica é aquela válida para todos os cabelos quimicamente tingidos. Outros grandes inimigos são o sal marinho e o cloro de piscina. Por isso, evite-os ao máximo, mas, caso não seja possível, proteja seus fios com chapéus, bonés (não o dia todo, para não causar abafamento), protetor térmico e filtro solar.

E não lave os fios com água quente para evitar a abertura das cutículas, o que leva ao ressecamento e oleosidade na raiz. Temperaturas mais baixas selam as cutículas, dando mais brilho e evitando a perda da hidratação natural dos fios.

  1. 50 tons de ruivo…

Não, não chega a ser cinquenta, mas, são vários! O mais claro é o strawberry blonde, como o exibido pela atriz Jessica Chastain. Por ser loira natural, a celebridade usou um tonalizante para atingir a cor desejada.

Jessica Chastain

Outros tons são os conhecidos como vermelhos fantasia, de tom mais alaranjado ou que fogem dos tons naturais, é o caso da cantora Hayley Williams, da banda Paramore.

Hayley Williams

Os tons acobreados são chiquérrimos e poderosos, enfeitando os cabelos de grandes estrelas, como Marina Ruy Barbosa e Julianne Moore. Porém, mesmo sendo ruivas naturais, nenhuma exibe os fios virgens ao brilhar nas telas ou desfilar nos tapetes vermelhos, adotando tonalizantes e tinturas para realçar e dar mais vivacidade aos fios.

Marina Ruy Barbosa

  1. Adote o uso do shampoo tonalizante

Esse produto é ótimo para combater o desbotamento, desde que seja similar à cor da tintura aplicada nos seus cabelos. É interessante usar o shampoo tonalizante semanalmente, ativando os pigmentos e deixando a cor mais brilhante e intensa.

  1. Procure não lavar diariamente

Além de evitar o ressecamento, você contribui para que seu cabelo não desbote.

Então, é isso, meninas! Adoramos tratar dessa cor tão especial e desejada entre as mulheres e esperamos ter ajudado!

Ah, e se puderem, mandem fotos dos seus ruivos para conhecermos, além dos cuidados que vocês tomam para mantê-los sempre lindos!

Cuidados com cabelo ruivo
5 (100%) 1 vote

Você pode gostar

você pode gostar também